Carregando...

Registro de Imóveis da 3a Zona recebe Prêmio de Responsabilidade Ambiental

Em cerimônia realizada no Teatro São Pedro, o Registro de Imóveis da 3a Zona de Porto Alegre recebeu o Prêmio de Resposabilidade Ambiental pelo investimento que tem feito em tecnologia e nas pessoas para minimizar os impactos ambientais da atividade da serventia.

O prêmio, que está em sua VI edição, é promovido pelo Instituto Latino-Americano de Proteção Ambiental Borboleta Azul, em parceria com a Assembléia Legislativa do Estado do RS e a Associação Riograndense de Imprensa (ARI). O objetivo é destacar ações de profissionais e empresas que visem ao desenvolvimento sustentável e a um ambiente ecologicamente mais equilibrado e correto.

“Os registros de imóveis têm a responsabilidade de exigir a observação das leis ambientais, como o respeito a áreas de proteção permanente, nos projetos apresentados. Além disso, temos colaborado com o Município na regularização de imóveis da população de baixa renda”, destacou o Oficial Moyses Marcelo de Sillos. Outras ações da serventia que implicam redução do consumo de recursos naturais são o serviço de certidão via internet, o qual evita deslocamentos dos usuários para obter sua certidão, e a reformulação de processos internos para redução de consumo de papel.

Intitulado como “Oscar do Meio Ambiente”, o prêmio também foi entregue ao ex-ministro Paulo Brossard de Souza Pinto; ao Deputado Federal Luis Carlos Heinze; ao Presidente da Comissão de Direito Ambiental da Ordem dos Advogados do Brasil-Seccional RS, Dr. Ricardo Alfonsin, e ao Presidente do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Rio Grande do Sul, Eng. Civil Luiz Alcides Capoani, entre outros profissionais.

Participaram da cerimônia o presidente do Instituto Borboleta Azul, José Roberto Ramos, o presidente da ARI, Ercy Torma, entre outras autoridades.